Com medo de ir ao hospital por causa da Covid-19, mulher no AC tem parto em casa com ajuda de bombeiros

Com medo de ir ao hospital por causa da Covid-19, mulher no AC tem parto em casa com ajuda de bombeiros

Uma equipe de bombeiros auxiliou no nascimento de um menino, na madrugada dessa sexta-feira (3), em uma casa às margens da BR-364, no município de Feijó, no interior do Acre.

O pai do bebê pediu ajuda pelo telefone, informando que a sua mulher havia entrado em trabalho de parto. Uma equipe foi até o local e ao chegar, a bebê já estava quase nascendo.

G1 não conseguiu contato com a mulher até última atualização desta reportagem.

Os bombeiros cortaram o cordão umbilical e entregaram o filho para a mãe. De acordo com os bombeiros, a ocorrência foi bem sucedida e o bebê nasceu com os sinais vitais normais.

Após o parto, a equipe informou que precisava levar a mãe e o recém-nascido para o hospital da cidade, como é indicado para que sejam feitos os procedimentos de saúde. Mas, a mulher se negou por medo de contaminação pelo novo coronavírus.

“Esse tipo de ocorrência sempre aparece por aqui. Às vezes não dá tempo de chegar no hospital com a grávida e eles ligam para a gente e agora outro fator é que as pessoas estão receosas de ir para maternidade e acabam tendo em casa mesmo e geralmente pedem ajuda dos bombeiros. Nesse caso, a parturiente nos informou que não queria ir para maternidade”, disse o tenente José Corrêa, comandante dos bombeiros na cidade.

No último dia 30 de junho, uma jovem de 18 anos precisou passar por um parto de emergência em casa porque não conseguiu chegar ao hospital a tempo, no município de Tarauacá, no interior do Acre. O parto também foi feito pelo corpo de Bombeiros que recebeu o chamado de emergência.

Covid-19 em Feijó

Com pouco mais de 34,7 mil habitantes, Feijó registra 269 casos confirmados de Covid-19 no estado, segundo último boletim divulgado nessa sexta-feira (3) pela Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre).

Outros 270 foram descartados e 21 seguem em análise. Em todo estado já são 14.112 casos de Covid-19 confirmados.

A cidade registrou ainda 6 das 387 mortes por Covid-19 do estado. O maior número de óbitos é de moradores da capital acreana, Rio Branco, com 271 casos.

No ranking da taxa de contaminação, Feijó aparece em 18º lugar, com incidência de 77,34 para cada 10 mil habitantes. Os municípios de Assis Brasil e Cruzeiro do Sul apresentam as maiores incidências do estado com 264,3 e 239,6 para cada 10 mil habitantes, respectivamente.

FONTE: G1 ACRE

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS: 0
DISQUS: 0
WhatsApp chat