Comércio de Rio Branco que vender cerol e linha chilena poderá ser multado em R$ 2 mil

Comércio de Rio Branco que vender cerol e linha chilena poderá ser multado em R$ 2 mil

Aprefeita Socorro Neri sancionou o projeto de lei de autoria do vereador João Marcos Luz (MDB), lei nº 2.359 /2020, que proíbe a comercialização do cerol e da linha chilena em Rio Branco. A determinação foi publicada na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (31).

Conforme o documento, “o estabelecimento que comercializar e/ou fabricar o cerol ou linhas que contenham elementos cortantes está sujeito na primeira ocorrência, à apreensão da mercadoria e multa no valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais)”.

FONTE: AC24HRS

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS: 0
DISQUS: 0
WhatsApp chat