Fase amarela coloca fim à polêmica e igrejas podem reabrir com 30% da capacidade

Fase amarela coloca fim à polêmica e igrejas podem reabrir com 30% da capacidade

O anúncio oficial de que todo o Acre passa para a fase amarela a partir desta quarta-feira, 5, esfria a grande polêmica do Estado nas últimas semanas em relação a flexibilização das atividade por conta da pandemia da Covid-19. O funcionamento das igrejas, que rendeu embates entre líderes religiosos e o governo, agora está autorizado.

De acordo com o decreto, na fase amarela, os cultos presenciais estão autorizados a serem realizados com até 30% da capacidade de cada templo. O governo, por conta da pressão de pastores, chegou a autorizar o retorno das atividades religiosas com a presença de fiéis na fase laranja, medida que foi contestada pelo Ministério Público Estadual e Ministério Público Federal.

O governo esticou a corda e não tomou nenhuma medida sobre o assunto, apostando na possibilidade de mudança para o nível amarelo que permitisse a volta dos cultos e evitasse um novo desgaste com as lideranças religiosas. De acordo com a resolução do Comitê de Acompanhamento Especial da Covid-19, além de receber apenas 30% de sua capacidade, os eventos religiosos precisam seguir os protocolos sanitários.

FONTE: AC24HRS

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS: 0
DISQUS: 0
WhatsApp chat